Notícias

Programa Nascentes: 7.704 campos de futebol para proteger as águas

12/06/2017

São 5.500 hectares em fase de recuperação no programa de conservação de recursos hídricos do Governo do Estado de São Paulo

Uma área equivalente a 7.704 campos de futebol em matas ciliares do Estado de São Paulo está em processo de recuperação na atual fase do Programa Nascentes, que envolve 12 secretarias estaduais.

O programa orienta e desenvolve projetos de restauração da vegetação nativa para restabelecer as margens de rios, represas e lagos. O objetivo é preservar a quantidade e a qualidade das águas que abastecem as cidades paulistas.

Essas águas são protegidas pelas chamadas matas ciliares, que margeiam rios, lagos e nascentes, igarapés e represas. Elas são uma cobertura de vegetação nativa e recebem esse nome (ciliares) por serem importantes para a proteção como os cílios são para os olhos.

Na fase atual, que contempla o equivalente a 7.704 campos de futebol (considerando o padrão de 7.140m2, estipulado pela Fifa), são 5.500 hectares em processo de restauração. Nestas áreas, foram plantadas 9 milhões de mudas, sempre nas regiões prioritárias dos 91 municípios contemplados neste momento.

A restauração de cerca de 20 mil hectares de matas ciliares já está prevista em projetos contratados. A primeira fase, encerrada em março de 2017, marcou o início da recuperação de 4.464 hectares de matas ciliares, nos quais foram utilizados 6,3 milhões de mudas de espécies nativas. Para março de 2018, a meta é iniciar a recuperação de 7.200 hectares, sendo que mais de 3.000 hectares disponíveis para restauração se encontram em Unidades de Conservação.

O programa conta também com 17 projetos prontos para contratação (confira http://www.ambiente.sp.gov.br/program…/encontre-seu-projeto/). Mais de 119 mil hectares também estão disponíveis para receber ações do Nascentes. Novos projetos de restauração de matas ciliares podem ser cadastrados neste link (http://www.ambiente.sp.gov.br/program…/cadastro-de-projetos/ ) para avaliação e implementação.

O programa tem importantes parceiros, como é possível ver no link (http://www.ambiente.sp.gov.br/programana…/rede-de-parceiros/ ), e aceita interessados em plantios voluntários.

Do Portal do Governo

Topo